Torcicolo Congênito

O que é ?
Doença caracterizada pela posição viciosa da cabeça e pescoço e aparecimento progressivo de assimetria facial e craniana decorrentes de displasia fibrosa e encurtamento do músculo esternocleidomastóideo ( músculo localizado na face lateral do pescoço, indo da cabeça até a clavícula ).

O torcicolo congênito não é muito comum
Ocorre em ambos os sexos, sem predileção e acomete os dois lados do pescoço em similar frequência.

Qual é a causa do torcicolo congênito ?
A causa do torcicolo congênito ainda é desconhecida. Posições intra-uterinas anormais e traumatismo de parto têm sido responsabilizadas. Há uma forte correlação com o parto pélvico ( aproximadamente de 20 a 30 % das crianças ). É possível que o problema comece antes do parto, de forma que o parto difícil pode ser consequência do torcicolo e não causa.

Quais são as manifestações clínicas do torcicolo congênito ?

  • Tumoração indolor, dura e fibrosa situada dentro do músculo esternocleidomastóideo. Pode já estar presente desde o nascimento, no entanto é notado, em geral, apenas entre a segunda e a oitava semana de vida.
  • Cabeça fica inclinada para o lado afetado, orelha parece inclinada para baixo em direção à clavícula do lado ipsilateral, A face voltada para frente do lado contralateral. O ombro do lado acometido está elevado e pode estar presente escoliose cervical e torácica.
  • Há resistência e limitação em grau variado quando se faz a rotação passiva da cabeça para o lado do músculo afetado. Nesta manobra, se houver nódulo ele ficará mais evidente.
  • A hemiface do lado do músculo acometido tende a ser hipoplásica, levando a assimetria facial. Como o lactente fica a maior parte do tempo deitado, a posição continuamente viciosa da cabeça pode levar a uma deformação do crânio chamada plagiocefalia ( cabeça plana ).
  • Dístúrbio visual caracterizado pela diplopia pode estar presente.

Qual é o tratamento do torcicolo congênito ?
O tratamento do torcicolo congênito é clínico, através de exercícios fisioterápicos da região cervical. Existe regressão completa da fibrose muscular ou do tumor muscular entre 90-95% dos casos tratados no 1° ano de vida.

Está indicada cirurgia para os casos de torcicolo congênito ?
O tratamento cirúrgico é raramente utilizado .
As indicações para cirurgia seriam : insucesso do tratamento clínico e apresentação em
crianças > 1 ano de idade .
A cirurgia consiste na secção dos pontos de inserção do músculo esternocleidomastóideo no esterno e na clavícula, por meio de incisões transversais acima da clavícula. A cirurgia não reverte deformidades já estabelecidas, mas impede a progressão da anormalidade. A recidiva é, de modo geral, rara.

%d blogueiros gostam disto: